Equipe Pom Pom

Pom Pom, tradicional marca de fraldas descartáveis e toalhas umedecidas.

Conheça os vilões da fertilidade masculina

A dificuldade para engravidar pode não ser um problema apenas da mulher. O fator masculino é responsável por 50% dos casos de infertilidade entre os casais e é frequentemente negligenciado, segundo Clóvis Antônio Bacha, diretor da Associação Mineira de Ginecologistas e Obstetras de Minas Gerais (Sogimig).

Ele explica que a fertilidade masculina é avaliada por um exame chamado espermograma, que pode mostrar diminuição ou ausência de espermatozoides, redução de sua mobilidade ou alterações anatômicas que dificultam ou impossibilitam a fecundação de um óvulo.

“O tratamento vai desde orientações simples, como evitar banhos de imersão quentes e saunas, até a utilização de vitaminas, hormônios, inseminação ou a fertilização in vitro. Em casos de ausência de espermas, existe ainda a possibilidade da utilização de espermas doados”, diz Bacha.

O urologista Emir de Sá Riechi, do Hospital e Maternidade Santa Brígida, de Curitiba, afirma que síndromes neurológicas, como esclerose múltipla; baixo nível de hormônios; e doenças adquiridas, como caxumba e algumas DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis) podem causar infertilidade nos homens. O tratamento pode ser feito com hormônios ou medicamentos, dependendo do caso.

“O homem também pode nascer estéril, embora seja raro. Neste caso, ele não poderá ter filhos. Existem, ainda, homens que nascem com os testículos em condições anormais, o que pode ser corrigido por cirurgia”, afirma Riechi.

O diretor da clínica de reprodução humana VidaBemVinda, Renato Tomioka, ginecologista e obstetra, diz que maus hábitos de vida também podem prejudicar o homem que deseja ser pai. São eles: sobrepeso e má alimentação, já que o sistema reprodutor precisa de vitaminas que o corpo consegue por meio dos alimentos; álcool; tabagismo; sedentarismo e estresse, que dificultam o bom desenvolvimento dos espermatozoides.

“É importante manter o equilíbrio no dia a dia. Se quiser ter um filho, procure um médico para fazer uma avaliação não apenas da sua fertilidade, mas também de sua saúde. Tenha uma alimentação saudável e pratique exercícios físicos”, recomenda Tomioka.

clayton.freelas@gmail.com'

Equipe Pom Pom

Pom Pom, tradicional marca de fraldas descartáveis e toalhas umedecidas.